Review | The Flash – Going Rogue

The Flash S01E04

Enquanto assistia o quarto episódio comecei a escrever este review. The Flash é um dos mais importantes heróis da DC e mais uma vez me empolguei com a forma como a estória que está sendo contada. No inicio do episódio é abordado a capacidade de Barry raciocinar tão rápido quanto ele corre. Isso mesmo, além de se mover rápido nosso herói está testando o uso da força da aceleração com o raciocínio acelerado. Não bastando essa característica muito bem derivada das revistas, neste episódio encontramos dois vilões muito importantes: Capitão Frio (Wentworth Miller) e [preste atenção na última cena]. É preciso elogiar a atuação de Miller, pois ele conseguiu representar muito bem o personagem.

Uma coisa boa: as cenas de super velocidade são muito bem elaboradas, sinto como se estivesse lendo uma revista do Flash. Os movimentos e os raios ao redor de Barry são ótimos. Em uma cena onde várias pessoas precisam ser salvas em pouquíssimo tempo notei um certo raio nos olhos de Barry. Seria isso o raciocínio acelerado?

Uma coisa ruim: Não vejo problemas na arma utilizada pelo Capitão Frio ter sido criada pelos laboratórios S.T.A.R, mas ter sido criada em segredo e ser facilmente roubada, isso sim foi exagero. Sem falar que houve a possibilidade de resgatar a arma porém isso não ocorreu, até entendo o porquê, afinal quem seria o Capitão Frio sem sua arma?

A introdução de dois vilões (que não possuem seus poderes derivados da explosão do acelerador de partículas) possibilita arcos maiores nas tramas dos episódios daqui para frente. Felicity Smoak (Emily Bett Rickards) participou deste episódio, já é de conhecimento que The Flash e Arrow participam do mesmo universo, mas ver isso acontecendo é muito bom.

crodrigom Author

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *