Review | Arrow – Sara

Arrow S03E02

É impossível escrever um review sobre esse episódio sem soltar spoiler, então se você ainda não assistiu os dois primeiros episódios não diga que não avisei. Mas ai vai uma última chance [SPOILER ALERT!!!].

Como o nome do episódio já adianta Sara Lance será o foco e não é de se surpreender já que os acontecimentos dos últimos minutos do episódio anterior foram marcantes. É visível como a morte de Sara (sim esse é o Spoiler) afetou profundamente Oliver, Laurel e Felicity. Oliver percebe que não é a prova de balas e que a qualquer momento pode ser ele. Laurel inicia a sua transformação/aceitação para vestir o manto (ou seria meia arrastão) da Canário Negro. Mesmo eu achando que Caity Lotz levava muito mais jeito como Canário, ou seja, a mudança de Laurel será significativa. Por fim, me surpreendeu o quando a morte de Sara afetou Felicity, fazendo com que ela repensasse seus valores e decidisse trabalhar para Ray Palmer.

Uma coisa Boa: a humanização do herói. O arqueiro é um ótimo herói e sempre apresentou ótimas estórias mas ele não é nenhum Superman, possui limitações e considero muito importante essas limitações serem apresentadas.

Uma coisa ruim: Ray Palmer está sendo contruido mas ainda é impossível olhar para Brandon Routh e não associa-lo ao filme Superman o retorno. Mas a coisa ruim fica em torno do relacionamento de Ray com Felicity, esse tipo de relação de gato e rato já está batida. Os dois não se entendem mas acabam trabalhando juntos como se adorassem um ao outro.

Fechando o post, as últimas cenas se passam entre Thea, que não retorna as ligações de Oliver, e Malcoln Merlyn. Já sabemos que ele é o pai biológico de Thea e que está preparando a moça para algo, mas o que? Será que Thea se tornará mais uma antagonista de Arrow?

crodrigom Author

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *