10 curiosidades sobre “De Volta para o Futuro” que você possivelmente não sabia

Reunimos 10 curiosidade sobre o filme De Volta para o Futuro, que você possivelmente não sabia sobre a franquia. Confira a lista completa logo abaixo:

1. Quase todos os estúdios de hollywood rejeitaram o projeto por não ser “atrevido”, menos a Disney.

Os produtores da época achavam que o filme era muito “sensual” para a juventude rebelde dos anos 80. Os filmes que estavam fazendo sucesso na época eram Negócio Arriscado, Porky’s – A Casa do Amor e do Riso e Picardias Estudantis. Mas a Disney, acreditou no projeto e resolveu produzir.

De Volta Para o Futuro Capa

2. Praticamente todos os adolescentes do mundo foram considerados para viver Marty McFly

A escolha do ator para viver Marty Mcfly nos cinemas realmente foi complicada. Os produtores do longa inicialmente pensaram em Michael J. Fox. Mas o ator estava ocupado no momento por causa do sitcom Family Ties. Assim Johnny Depp, John Cusack e Charlie Sheen chegaram a ser cogitados, assim como milhares de outros. Mas no final o editor, disse que nenhum deles seria tão bom quanto Fox.

De Volta Para o Futuro

3. Originalmente, Dr. Brown tinha um chimpanzé chamado Shemp, ao invés do Einsten

No roteiro original, o cachorro Einsten de Doc, deveria ser um chimpanzé e ele se chamaria Shemp, mas após uma revisão de roteiro, os roteiristas notaram que um cachorro seria muito mais simpático que o chimpanzé .

De Volta Para o Futuro

4.No script original, a máquina do tempo seria uma geladeira ao invés de uma carro

A máquina do tempo, Doc Brown construiu deveria ser uma geladeira no projeto original, ao invés do carro DeLorean. A ideia só não foi aceita pelos produtores porque havia o receio que crianças escalassem ou entrassem nos eletrodomésticos.

De Volta para o futuro

5. Eric Stoltz como Marty McFly

Como tinha falado, a escolha do ator para viver Marty Mcfly foi muito complicada. Michael J. Fox não foi o primeiro ator a gravar as primeiras cenas do filme, na verdade foi o ator Eric Stoltz, que acabou gravando mais de um mês, mas acabou sendo demitido logo após e todas as cenas foram regravadas. O problema foi que o ator não era um comediante e terminou levando tudo de uma forma mais sombria.

Assim, após a demissão Stoltz, Michael J. Fox foi chamado, porém como ele estava ocupado gravando a série Family Ties, muitas cenas do filme foram gravadas de madrugada, para que Michael pudesse estar no filme.

Eric Stoltz

6. Christopher Lloyd não foi a primeira escolha para viver Doc Brown

O ator Christopher Lloyd não foi a primeira escolha para interpretar Doc Emmett Brown. O papel seria do ator John Lithgow, que recusou a proposta por causa de outros compromissos.

John Lithgow

7. Um dublê para andar de skate

Em 1985, era muito difícil encontrar especialistas em skate, já que o esporte não era muito popular. Assim, um dos produtores do filme foi até ‘Venice Beach’, uma praia frequentada por pessoas com hobbies inusitados. Lá ele encontrou Per Wellinder, campeão europeu de skate, que se tornou um dos dublês de Michael J. Fox.

marty-mcfly-skateboard

8. Marty Mcfly como Darth Vader

A cena em que Marty McFly finge ser Darth Vader é bem maior do que a mostrada no filme. Por questão de tempo, partes foram cortadas (mas aparece nos extras do DVD). Note que sua arma é um secador de cabelo, enviado do futuro ao passado quando ele usa a máquina do tempo; e ele faz uma saudação vulcana de ‘vida longa e próspera’.

De Volta pra o Futuro

9. Os produtores precisaram criar um velocímetro especial para o DeLorean

Em 1979, Jimmy Carter, presidente dos Estados Unidos na época, assinou uma lei que proibia que os velocímetros ficassem acima de 85 milhas por hora para as pessoas não corressem demais. No entanto, no filme o DeLorean só funciona a partir de 88 milhas. Então, foi necessário criar um equipamento especial para o filme.

DeLorean De Volta para o futuro

10. Michael J. Fox nunca tocou guitarra durante as filmagens

Michael J. Fox não toca guitarra de verdade. O supervisor musical Bones Howe contratou o professor de guitarra e músico Paul Hanson para ensinar como simular todas as suas partes de forma realista, incluindo tocá-la atrás da cabeça. O músico veterano Tim May tocou as verdadeiras partes da guitarra, com Mark Campbell fazendo o trabalho vocal em Johnny B. Goode.

Guitarra Marty De Volta para o Futuro

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *